Aprendizados para além do Maker

Os estudantes produziram um curta-metragem utilizando como técnica principal o Stop Motion, animação com imagens.



Quando pensamos nos nossos estudantes desenvolvendo atividades Maker é comum imaginarmos os alunos em um espaço diferente da sala de aula, com muitas ferramentas, equipamentos e recursos diversos, colocando a mão na massa com objetivo de construir “coisas diferentes”, afinal, o espaço Maker é caracterizado como um ambiente onde as possibilidades e a busca pela inovação não tem limites.


Porém, além da criatividade e o saber usar ferramentas com segurança, as atividades Maker também contribuem de forma significativa para o desenvolvimento de diversos aprendizados, habilidades e competências que vão adiante do próprio Maker. Ou seja, as intencionalidades e os contextos em que as atividades são planejadas, visam o desenvolvimento do aluno de forma integral, contribuindo não somente com os saberes e conhecimentos necessários para a sala de aula, mas, também, para a vida dos nossos estudantes. O “Projeto Stop Motion”, realizado pelos alunos do 5° ano do Colégio Saint Helena, é um exemplo dessas atividades.


Os estudantes tinham como desafio a realização de um projeto para produção de um curta-metragem, utilizando como técnica principal o Stop Motion, que consiste em uma animação com imagens e/ou fotografias que são postas em sequência para criar uma ilusão de movimento. Apesar de ser antiga, a técnica do Stop Motion ainda está presente em diversas produções, seja em longa-metragens, como no filme “A fuga das Galinhas”, ou em vídeos tutoriais e educativos.


O projeto teve início com a divisão dos estudantes em pequenos grupos, e o primeiro objetivo era planejar as etapas que julgavam necessárias para cumprir o desafio. E é aqui que se iniciam os diversos aprendizados. Desde o início, os estudantes aprendem a trabalhar em grupo, de forma colaborativa e já mobilizam algumas habilidades como divisão de tarefas, escuta ativa (afinal, precisamos ouvir a ideia de todos), além de abstração e síntese para condensar todas as ideias em um único projeto a fim de que todos se sintam contemplados.


Durante toda a execução do projeto, os alunos do 5° ano foram levados a serem protagonistas do seu próprio aprendizado, desde a produção do roteiro para o curta-metragem (e, assim, aprendendo um pouco mais sobre esse importante gênero textual, geralmente trabalhado nas aulas de Língua Portuguesa), como um Storyboard da história criada (técnica geralmente utilizada na produção de conteúdos audiovisuais) e, também, ao pensarem nos tipos e quantidades de materiais que iriam utilizar ao longo do projeto.

A autonomia dos estudantes foi desenvolvida ao longo dos trabalhos, além das possibilidades e oportunidades de mobilizar diversas outras competências, como letramento tecnológico, realização de projetos, resolução criativa de problemas, comunicação ativa, criação de discursos e algumas competências presentes na BNCC (Base Nacional Comum Curricular), pensamento visual e senso estético.


Para finalizar o projeto, um aplicativo que auxilia a criação de vídeos com a técnica do Stop Motion foi apresentado aos alunos e cada grupo produziu e editou seu próprio curta-metragem, desenvolvendo, assim, a cultura digital em um nível mais avançado, passando de simples consumidores de recursos tecnológicos para produtores de conhecimento da tecnologia.


Esse projeto foi desenvolvido pelas alunas Sarah, Vitória, Ana Clara, Maria Clara e Caroline do 5º ano B.


Agora, sim! Projeto finalizado e mais um objetivo alcançado com sucesso!!

Isso é Cultura Maker! Isso é Cultura de Inovação!

0 visualização

SALVADOR - BA

Rua Estácio Gonzaga, n° 107

Horto Florestal

Esquina Dep. Fernando Wilsom Magalhães

 

(71) 4103-4255 • (71) 9 9301-9812

contatosalvador@sainthelena.com.br

Estamos abertos de segunda a sexta, das 7:30h às 18:00h

©2019 by Saint Helena Bilingual Education.

FACEBOOK.png
INSTAGRAM.png
youtube (2).png